Como fazer um time campeão?

Existem dois pontos que certamente fazem muita diferença na campanha de uma equipe vencedora. Gestão e liderança de grupo. A liderança é primordial, pois ao gerir uma equipe é preciso saber como tirar o melhor dela. Tencati vem fazendo isso muito bem, não acerta tanto taticamente, mas entrega muita confiança a seus comandados, mesmo não sendo eles tão qualificados.

Estratégia

Vencer em casa e trazer pontos fora faz parte da cartilha de acesso de qualquer clube, porem o Criciúma enfrentou um Londrina extremamente desorganizado e vindo de uma sequência muito ruim de resultados. O tubarão paranaense se continuar com este fraco futebol é um sério candidato ao rebaixamento e contra este tipo de equipe não se pode perder pontos.

Precisa-se de velocidade

O Criciúma precisa urgente de uma opção de velocidade no ataque, talvez seria a oportunidade de Torrão, mas este está afastado por 20 dias. João já recebeu muitas chances e raramente somou quando foi escolhido. Ademais, João, Ytalo Mello, Lohan, não estão à altura do que o Criciúma precisa para alcançar o objetivo de acesso.

Inventou

Tencati foi mal na escalação da equipe nesta segunda. Optar por Vizeu e Lohan, dois centroavantes de características semelhantes, foi uma surpresa para todos, já que o Criciúma nunca jogou sem um atacante de beirada e velocidade. Além disso tal esquema precisa de dois alas que aproveitem bem o corredor, algo que Cristovam raramente faz.

Roubado?

Se foi pênalti ou não foi, é interpretativo. Esta insatisfação com a arbitragem está intrínseca no futebol. A grande verdade é que o Criciúma não apresentou um futebol que merecesse a vitória. Caiu muito no segundo tempo e as mudanças feitas não surtiram efeito. Londrina ainda teve duas grandes chances e por pouco não virou o jogo na segunda etapa.

O preço

O intervalo tão curto de tempo entre dois jogos, a logística desgastante e um jogo a tarde com certeza prejudicaram muito a apresentação de um belo futebol das duas equipes, porem esta é uma situação que os clubes tem que lidar. Hoje quem controla as datas e horários de jogos são as emissoras de tv que transmitem as partidas e contra isso, nada se pode fazer.

Gostou da notícia então compartilhe:

Mais lidas da semana

Noticias em destaque

Noticias

Outros links uteis