Home Saúde São Donato absorve parte da demanda do Hospital Regional

São Donato absorve parte da demanda do Hospital Regional

34
COMPARTILHAR
Foto: Jornal Gazeta

Já há meses, o Hospital Regional de Araranguá tem enfrentado uma crise interna, o que afetou diretamente os serviços prestados à população do Extremo Sul catarinense. Diante disso, o Hospital São Donato, de Içara, tem se tornado uma grande alternativa para moradores desses municípios que buscam atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Assim, nas últimas semanas a demanda na única unidade hospitalar içarense aumentou de forma considerável. “A situação do Hospital Regional de Araranguá é algo que vem nos preocupando muito, porque toda a nossa estrutura acaba tendo que suportar essa demanda, que é grande. Inclusive, os atendimentos de média complexidade da região de Araranguá estão sendo todos direcionados ao pronto-socorro do Hospital São Donato”, comenta o gerente administrativo do hospital içarense, Júlio De Luca.

De acordo com ele, somente os atendimentos de alta complexidade acabam sendo levados ao Hospital São José, de Criciúma. O diretor do HSD enfatiza que a situação prejudica todo modelo implantado para realizar os atendimentos normais.

“Fica uma situação muito complicada de você administrar todo este sistema. É algo que atrapalha a nossa programação, mas ao mesmo tempo a gente não pode negar nenhum tipo de atendimento, pois as pessoas não têm culpa desta situação criada em Araranguá”, coloca.

Como não recusa atendimento médico, até por tratar-se de um hospital portas abertas para casos de urgência e emergência, De Luca diz que a expectativa fica por conta de uma soluçãopara a situação do Regional. “A gente agora aguarda que os gestores públicos e a administração do Regional de Araranguá se entendam o mais rapidamente possível, porque quem vem sofrendo realmente são aquelas pessoas mais pobres, quem realmente precisa do atendimento pelo Sistema Único de Saúde”, aponta.

 

Especial Jornal Gazeta

 

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here