Satc participa de mesa redonda sobre carbono no 20º Campo Agroacelerador

Instituição, que esteve presente com um estande no evento, contou com a participação de pesquisadores em debate sobre o mercado de carbono

 

Reunindo mais de 70 vitrines tecnológicas voltadas ao agronegócio, o 20º Campo Agroacelerador Cooperja teve início na quinta-feira (1), em Jacinto Machado, e conta com um estande da Satc no local. Além de expor pesquisas voltadas a área da inovação também para o agronegócio, a instituição participou de uma mesa redonda sobre o mercado de carbono, nesta sexta-feira (2).

 

O bate-papo contou com a participação do pesquisador, professor e líder do Núcleo em Energia e Síntese de produtos do Centro Tecnológico Satc, Thiago Aquino, além da professora e coordenadora do curso de Jornalismo da UniSatc, Marli Vitali, como mediadora. A Satc, se apresenta no evento como um agente de troca de experiências e parcerias para inovação.

 

“A gente está percebendo cada vez mais que o agronegócio exige empreendedorismo, exige inovação, tecnologia. É um negócio que está em constante mudança, que são atributos completamente linkados ao que a gente já faz, ou que a gente espera, ou o que a gente quer. Então, é muito importante a participação no evento. Foi um momento de muita riqueza, de troca de experiências, e que eu tenho certeza absoluta que vai agregar muito para os projetos que a Satc tem desenvolvido, especialmente os que envolvem inovação e novos negócios”, afirma o reitor da Satc, Carlos Antônio Ferreira.

 

O 20º Campo Agroacelerador Cooperja segue até este sábado (3) e são cerca de seis mil agricultores, que terão a oportunidade de visitar estandes voltados a inovação e tecnologia nas áreas de arroz, soja, milho, soja, banana, maracujá, hortaliças, pitaya, pastagens, plantas bioativas, pecuária, exposição de animais, máquinas e equipamentos.

 

Colaboração: Comunicação UniSatc 

Gostou da notícia então compartilhe:

Mais lidas da semana

Noticias em destaque

Noticias

Outros links uteis