Home Política Suplente Joacir Domingos pede desfiliação do PMDB

Suplente Joacir Domingos pede desfiliação do PMDB

17
COMPARTILHAR

Descontente com o comando do PMDB, o suplente de vereador Joacir Domingos Pereira, o Boca, já anunciou que pedirá desfiliação do partido nesta quarta-feira, dia 8. Ele deve ficar sem sigla até o mês de outubro, quando pode ser aprovado o projeto de reforma política.

“Faz 35 dias que sai da Câmara e estou desempregado. Durante esse tempo, no momento que mais precisei o PMDB não me acolheu. Estão deixando o Murialdo mandar sozinho no governo e também na executiva do partido. Sou uma pessoa séria, educada, trabalhadora e parece que estou estorvando dentro do PMDB”, desabafa.

“Eles poderiam ter me dado à vaga na Secretaria de Obras, pois o Nestor Brunel foi escolhido por ser cabo eleitoral do Márcio Toretti, ou na Secretaria de Agricultura. Estão menosprezando um vereador de dois mandatos, mesmo sabendo do meu bom trabalho efetuado no Núcleo de Transportes e Circulação”, coloca.

“Tomei a decisão após sentar com meus familiares e grupo de apoio. Depois de muitas mágoas não tem como voltar atrás. Esse partido, que pensa somente em meia dúzia de pessoas. Principalmente o presidente Gentil Da Luz, deveria olhar mais para um suplente de 915 votos, que ajudou a eleger três prefeitos, Heitor Valvassori, Gentil Dory da Luz e Murialdo Gastaldon. Eu merecia um pouco mais de respeito”, finaliza.

Procurado, o presidente do PMDB Gentil da Luz diz se sentir impotente. “Quando fui prefeito até o terceiro suplente assumiu vaga na Câmara. Boca foi um grande parceiro e eu só tenho agradecer por tudo que ele fez pelo PMDB. Infelizmente não tenho poder para solucionar este problema, me sinto impotente”, pontua.

 

Redação Içara News com informações do Jornal Içarense