Home LUCAS HECKLER Corinthians: um time que simplesmente faz o necessário        

Corinthians: um time que simplesmente faz o necessário        

21
COMPARTILHAR

Nenhum clube conseguiu vencer o Corinthians no Brasileirão 2017. É, passou um turno inteiro e o Timão não perdeu um jogo se quer, aliás, não somente ficou invicto, como ganhou clássico fora de casa. Eu sinceramente, não vejo qualidade individual dos jogadores a ponto que o time tenha feito esta campanha. Mas há alguns pontos, que elencarei a seguir, que fazem com que o time do Parque São Jorge tenha esta campanha fantástica, com oito pontos de vantagem em relação ao segundo colocado, que curiosamente faz campanha superior ao campeão do primeiro turno do ano passado.

Eu era uma das pessoas que no início do ano apontava o Corinthians como a quarta força de São Paulo. Analisando o elenco individualmente, a impressão que se tinha era esta. Santos e Palmeiras eram os “grandes”, São Paulo em terceiro e o Corinthians brigando como o quarto com a Ponte Preta. Mas, o ano foi passando e o Corinthians mostrou uma característica fundamental para montar um time vencedor, embora se tenha um elenco limitado. E está sabendo utilizar isso tão bem, que já foi campeão Paulista e agora lidera o Brasileiro com folga.

Um ponto primordial que vejo para o sucesso,  é o padrão tático que a equipe mantém. O time dificilmente muda. Isso é uma situação essencial para qualquer time. O Corinthians permite que o adversário tente no começo atacar, a equipe corinthiana tem uma paciência  invejável, esperando o momento certo, para então apresentar um contra-golpe com uma transição muito rápida. Além disso, é um time que sabe se recompor muito rápido, situação que dificilmente se vê nos times brasileiros. A maioria sofre na recomposição.

Em virtude de tudo isto, o Corinthians busca um sistema ofensivo que lhe dê segurança. Para isso, podemos observar que quase todo o time defende. Portanto, o Corinthians hoje é um time que faz o necessário. Defende-se bem, tanto que em 19 jogos levou apenas nove gols, e consegue aproveitar as poucas chances de gol que tem. Não é um time para um futebol brilhante, mas que faz o necessário para se chegar ao sucesso!

Neste primeiro turno, como mandante o Corinthians bateu o Santos, São Paulo, Cruzeiro, Bahia, Botafogo, Ponte Preta e Sport Recife e empatou com Chapecoense, Atlético Paranaense e Flamengo, enquanto como visitante bateu Vitória, Atlético Goianiense, Vasco, Grêmio, Palmeiras, Fluminense e Atlético Mineiro e empatou com Coritiba e Avaí.

 
Lucas Heckler – cronista esportivo e acadêmico de Educação Física
“A paixão pelo esporte na veia”

 

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here