Home Geral Dona Santa retorna à sala de aula aos 80 anos

Dona Santa retorna à sala de aula aos 80 anos

6
COMPARTILHAR

Depois de muitos anos longe dos bancos escolares, Santa Maria Goulart dos Santos, de 80 anos, decidiu retornar à sala de aula. Incentivada por sua filha, Vanilda Dos Santos, também aluna da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de Içara, dona Santa se tornou símbolo de persistência, força de vontade e dedicação para todos os colegas e equipe de ensino.

Dona Santa, ou vovó Santa como é chamada por muitos, é natural de Içara, nascida e criada na comunidade de Esperança, é viúva e mãe de nove filhos. Casou-se com apenas 14 anos e dedicou sua vida à família e ao trabalho. “Sempre trabalhei na roça e também cuidei dos afazeres de casa. Fiz de tudo para que meus filhos terminassem os estudos, mas como tudo era difícil naquela época, muitos não estudaram. Eu também frequentei muito pouco a escola, mas hoje me sinto realizada, satisfeita e feliz. Conheci pessoas novas e estou aprendendo coisas que jamais imaginei que aprenderia”, coloca.

Questionada sobre a coragem e determinação, ela enfatiza que vem de Deus e da família. Ressalta ainda que gosta de ler a Bíblia e os livros do Padre Marcelo Rossi. “Estou amando tudo isso. É muito bom estudar aqui. A professora é muito paciente, querida e sempre que eu preciso está pronta para me auxiliar e tirar as minhas dúvidas”. A professora de alfabetização, Claudenir Calegari Ribeiro, afirma estar lisonjeada por ter uma aluna com 80 anos. “É um desafio gratificante e também um aprendizado”, disse.

Para o coordenador EJA, Jairto Vitto Junior, voltar à sala de aula a essa altura da vida é o maior exemplo de não há idade para estudar. “Quando vi aquela senhora escrevendo em seu caderno, questionando a professora, querendo aprender, pude entender que não há idade para voltar a estudar. Minha curiosidade foi além e ela me contou a sua história. História essa que resolvemos levar ao conhecimento de todos para que sirva de exemplo e para mostrar às pessoas, que tem interesse de voltar a estudar, mas tem receio, que não é difícil superar o medo”.

E para encorajar aos que pensam em voltar aos bancos escolares dona Santa deixa um recado: “todos que têm vontade de estudar deveriam voltar. Tenham coragem como eu tive e busquem realizar os seus sonhos. Agradeço às pessoas que estão me ajudando e afirmo que a equipe da Educação de Jovens e Adultos faz um trabalho muito bonito. Um trabalho que tem a função de realizar sonhos, inclusive o meu”, comemora.

A Educação de Jovens e Adultos de Içara conta com mais de 150 alunos distribuídos do primeiro ao nono ano do ensino fundamental. “A procura por vagas acontece diariamente. E é muito gratificante perceber a importância que as pessoas estão dando para o nosso projeto, pois toda a equipe desenvolve este trabalho com muito carinho e dedicação”, conclui Junior.

 

Colaboração: Imprensa PMI